Etiquetas

, , , ,

Quando levantares a cabeça
para olhar um pássaro na copa de uma árvore,
olha o pássaro mas vê para lá dele… 
Pensa a liberdade de voares mundos dentro de ti
a cada momento;
Cria um instante de infinitude que te molde os alicerces
da voz
e te faça perder o terror de viver no piedoso musgo dos dias;
Deixa o vento ser timoneiro dessa barcaça que te contém;
Cria asas…
Voa!

António Patrício Pereira

Rasgar rotas

fotografia / Natalia Drepina (Russia)

Anúncios