Etiquetas

, ,

A vida devora o corpo
dos Homens de dentro para fora;
Corrompe-lhes as entranhas aos poucos.
E nós, inocentes, vamos alimentando a sua voragem,
de cada vez que respiramos.

Só nos damos conta
quando ela nos envelhece os dias
e nos engole o corpo.

António Patrício Pereira

fotografia / Natalia Drepina (Russia)

Anúncios