Etiquetas

, , , , ,

Agora aqui chegado sacudo o cansaço
agarrado à roupa breve que me tapa o corpo;
respiro o que o vento me traz
e olho as horas que gravadas no olhar me acompanham;
assinalo os lugares de desassossego.

Só o silêncio das árvores
povoado d’um tempo parado alimenta
o zumbido dos insectos e o fio de sombra
que me sossega a pele.

Prosseguirei viagem
pela margem dos dias ao despontar da vontade
e o teu nome for alento no meu coração.

António Patrício Pereira