Etiquetas

, , , ,

O dia ficou soturno,
fez-se tarde na manhã dos meus olhos…
Choveu na sombra do meu corpo,
em silêncio.
Ficou o tempo amortalhado
nas minhas mãos petrificadas,
sem préstimo,
frias.

Hoje não vieste;
Adiadas
ficaram as palavras que trazemos no olhar.

António Patrício

1627075

fotografia / Deniz Senyesil (Turquia)