Etiquetas

, , , , ,

Nesse lugar que és,
onde, esquecidas, deixas-te as memórias?
Acredita, sem elas és um corpo desabitado,
abandonado a cada instante,
vazio cruel de onde o passado se ausentou.

Da concreta alma
fica a sombra absurda
do que antes foi…
Fica a ausência de uma biografia
de vida agora apagada
em derivas de tempo.
Perdes o passado, a identidade;
Sobra, dentro de ti, o nada.
Vives derivas a cada passo, perdes rumos,
tropeças vezes sem conta na mesma
pedra do caminho.
Deixas de ser…

António Patrício

Na ausência das memórias

fotografia de Akos Major (Hungria)