Etiquetas

, , , ,

Morro ainda a morte não me é dada.
morro ainda quando à vida
prendo consagrados dias tão continuamente.
Teimo inutilidades que o corpo esquece
e a morte desconhece.

António Patrício

Consagrados dias teimados (poema de algibeira XLIX)

fotografia de Pavel Pustina (República Checa)