Etiquetas

, , , , , ,

Há quem vendo uma rosa ache sabe-las todas,
entre aromas e coloridas pétalas
é na forma que se perde a dúvida.
Nada há que questionar…
Uma rosa é o que é sem mais reticências
a acrescentar.

Gente há que não gosta de rosas…
nem de pessoas.
Condenam a alegria,
são estranhos ao amor,
embirram com o universo.
Da vida fazem penoso leito,
do lamento religião…
Cultivam o cinismo
em campos de terra queimada.
Intrigam pelos cantos
em sussurros canalhas.
Vomitam ressentimentos
a cada arremedo de palavra.
Espetam os cornos
como a besta cega em desalvorada
investida…
Cães raivosos
que mordem o ar em respiração
envenenada.
Donos de verdades imutáveis,
cospem certezas; navalhas
atiradas.

Também há quem não goste de cravos!

António Patrício

Há quem não goste de rosas